20150704

São Josemaria Escrivá - Vida e Obra

sãojosemariabraçosanertosO Opus Dei ajuda a encontrar Cristo no trabalho, na vida familiar e nas atividades cotidianas.


Quão rica é a Obra desse santo! Não somente obra no sentido de feitos realizados através de sua vida e sua intercessão, mas também no sentido dA Obra maior, que não era dele senão do próprio Deus, o Opus Dei (do latim: Obra de Deus) ao qual ele foi designado pelo Pai para fundar aqui na Terra em 1928.


Dia 26 de junho é o seu dia, dia em que passou à vida eterna, data em que este ano se celebram 40 anos do seu falecimento. Momento propício para que eu possa fazer um pouco de justiça à sua memória tentando resumir neste artigo um pouco do muito que se pode dizer sobre esse “santo da vida ordinária”, o qual posso afirmar que se tornou meu amigo desde que o conheci.


São Josemaria Escrivá é fundador do Opus Dei, uma instituição da Igreja, constituída em prelazia pessoal (http://opusdei.org.br/pt-br/article/prelazia-pessoal/) internacional, cuja missão é “promover, entre homens e mulheres de todos os âmbitos da sociedade um compromisso pessoal de seguir a Cristo, de amor a Deus e ao próximo e de procura da santidade na vida cotidiana”. Em resumo, uma instituição católica voltada especialmente para leigos, que tem o propósito de santificação da vida cotidiana, de encontrar Cristo no trabalho, na vida familiar e nas demais atividades da vida ordinária. Por isso São Josemaria Escrivá é um “santo do quotidiano” (como disse S. João Paulo II na sua canonização, em 2002). Um santo que foi um sacerdote sempre atento às questões da chamada universal de todos os filhos de Deus à santidade e preocupado com a função dos leigos na missão da Igreja.


São Josemaría Escrivá nasceu em 1902, na cidade de Barbastro, em Huesca, no norte da Espanha. É o segundo de seis irmãos. Teve educação católica desde a infância. Aos dezesseis anos intuiu que Deus queria algo dele e, sem saber ainda o que era ao certo, decidiu ser sacerdote, para entregar-se completamente a Deus. Além do sacerdócio, se formou em Direito, mas sempre à espera do discernimento específico sobre o que era que Deus queria dele. Essa luz veio em 2 de outubro de 1928 (aos 26 anos), em Madri, onde tinha ido morar e estudar e onde dedicava seu sacerdócio especialmente aos pobres, doentes e crianças. Em Madri, participando de um retiro espiritual, Deus fez-lhe ver a missão à qual o havia destinado: fundar o Opus Dei (https://www.youtube.com/watch?v=GGif8ykH5bY). Desde então, se entregou de corpo e alma ao cumprimento dessa missão. Em 14 de fevereiro de 1930, através de uma nova luz que recebeu de Deus, iniciou o trabalho apostólico do Opus Dei também entre as mulheres, posto que no início pensava que A Obra seria  somente para homens.


Integrar o Opus Dei consiste em viver santamente a vida ordinária, sem descuidar-se do seu dever de cristão, exercendo com amor o seu trabalho e/ou estudos e cada atividade da sua vida cotidiana. Converter o seu trabalho profissional em instrumento de santificação, para santificar-se no trabalho, santificar o próprio trabalho e santificar os demais através do seu trabalho. Manter-se unido a Deus e lhe dar glória em tudo o que realizar ao longo do dia, fazendo tudo da melhor forma possível, pois cada tarefa é como uma oração oferecida a Deus.


A fundação do Opus Dei (também chamado de A Obra) na Espanha atravessou o período da Guerra Civil Espanhola (1936-1939), período que representou anos de sofrimento para a Igreja, marcados pela perseguição religiosa, da qual o fundador do Opus Dei também precisou fugir, junto com os primeiros integrantes dA Obra. Já com 18 anos de caminhada na missão que Deus lhe apresentou, em 1946, logo após o fim da guerra mundial, Josemaría Escrivá se transferiu para Roma, consciente de que a sua missão tinha fundamento e alcance universais. De Roma, por impulso direto do fundador, o Opus Dei foi-se estendendo paulatinamente para trinta países dos cinco continentes, entre 1946 e 1975.


Em 26 de junho de 1975, em Roma, Josemaria Escrivá faleceu de forma repentina, vítima de parada cardiorrespiratória, mas trabalhando e evangelizando até o último momento. O seu corpo foi sepultado na Igreja Prelatícia de Santa Maria da Paz, na sede central da Prelazia, em Roma.




[caption id="attachment_571" align="aligncenter" width="400"] Praça de São Pedro durante a Canonização de São Josemaria Escrivá[/caption]

Foi canonizado no dia 6 de outubro de 2002, quando mais de 400.000 pessoas assistiram, na Praça de São Pedro, à sua canonização. Na homilia deste dia, João Paulo II destacou que o novo santo “compreendeu claramente que a missão dos batizados consiste em elevar a Cruz de Cristo sobre todas as realidades humanas, e sentiu surgir no seu interior a apaixonante chamada para evangelizar em todos os ambientes”.


Um sacerdote muito culto, um homem muito direto, sem meias palavras e bastante firme ao transmitir os ensinamentos do Evangelho. Esse era São Josemaria Escrivá de Balaguer. Um fiel devoto de Nossa Senhora, a quem tinha profunda reverência e amor, de quem ele recebeu um grande milagre ainda na infância. Quando tinha pouco mais de um ano, Josemaria teve uma doença grave e foi desenganado pelo médico, que disse que ele morreria na mesma noite. Católica fervorosa, sua mãe não se contentou em aceitar o que o médico disse e ofereceu o filho à Nossa Senhora de Torreciudad, se se curasse. No dia seguinte, Josemaria despertou curado. Em agradecimento, a família fez uma peregrinação até a ermida dedicada à Virgem, no alto de um monte, em Torreciudad (Hesca, norte da Espanha). Anos depois, em 1971, São Josemaria promoveu a construção de um novo santuário à Virgem de Torreciudad, aberto ao culto em 1975, e que hoje é roteiro de peregrinação mariana no norte da Espanha. http://www.torreciudad.org/


Muito mais coisas eu poderia contar sobre o caráter e a vida desse moderno santo do cotidiano e o Opus Dei, fundado através de seu apostolado, mas pouco é o espaço para tanto que se poderia dizer. Ater-se a fatos pontuais e datas marcadas na sua vida é pouco para entender a grandeza de São Josemaria. Conhecer São Josemaria Escrivá passa essencialmente por conhecer o Opus Dei. Estudar e entender sua história é se aprofundar na essência do Opus Dei, caminho de santificação no trabalho. Portanto não há opção melhor para conhecê-lo do que lendo seus textos e vendo suas homilias, algumas delas estão disponíveis em vídeo no canal do Opus Dei no Youtube: https://www.youtube.com/user/opusdei ((https://www.youtube.com/user/OpusDeiWorld e https://www.youtube.com/user/josemariaescrivapt/


Como sugestões de obras suas, o livro mais difundido se chama “Caminho”, além dele sugiro outros como ”Sulco”, “Forja”, “Amigos de Deus” e “É Cristo que passa”. Todas essas obras versam sobre o espírito do Opus Dei e resumem os ensinamentos de São Josemaria. Todos esses textos completos estão disponíveis no site sobre o santo: http://www.escrivaworks.org.br/




[caption id="attachment_572" align="aligncenter" width="290"]Acervo Pessoal Ismaela Silva Acervo Pessoal Ismaela Silva[/caption]

MINHA EXPERIÊNCIA - Para chegar até São Josemaria Escrivá, primeiro eu me tornei amiga de uma pessoa do Opus Dei na cidade de Segovia, na Espanha, em 2012 (quando morei lá, durante o ano no meu mestrado), depois ela me contou um pouco sobre a Obra (que eu sinceramente não conhecia nada, apenas já tinha ouvido esse nome por alto, mas não tinha nenhum conceito formado), depois conheci um centro da Obra em Segovia e lá conheci outras pessoas, das quais me tornei amiga também, depois comecei a ler aos poucos alguns escritos de São Josemaria, o vi pregando em alguns vídeos e em geral comecei a acessar as mensagens do padre. Especialmente na homilia “Amar o mundo apaixonadamente” (que resume muito bem o que é o espírito do Opus Dei), e tendo entendido o teor principal das suas ideias, me identifiquei profundamente com o que ele pregava e tive a sensação de achar plasmados nas palavras de um santo muitos dos sentimentos e pensamentos que eu mesma sempre tive em relação à prática da fé e que eu não tinha ideia de que eram fundamento de uma Obra inteira, como é o Opus Dei. O convite que esse santo me fez e faz diariamente e que agora faz também a você que lê este artigo é simples: “Viver santamente a vida diária”.


“Não há outro caminho, meus filhos: ou sabemos encontrar o Senhor em nossa vida de todos os dias, ou não O encontraremos nunca”. (Homilia “Amar o mundo apaixonadamente”. 'Questões Atuais do Cristianismo', São Paulo, Quadrante, 3ª ed., 1986; n. 113).




[caption id="attachment_574" align="alignleft" width="290"]Acervo Pessoal Ismaela Silva Acervo Pessoal Ismaela Silva[/caption]

Sugestões de aprofundamento:


Para entender em que consiste o Opus Dei de forma bastante clara e bem colocada, pelo próprio São Josemaria Escrivá, há a homilia “Amar o Mundo Apaixonadamente”, pronunciada no campus da Universidade de Navarra em 8 de outubro de 1967, disponível neste link: http://opusdei.org.br/pt-br/article/amar-o-mundo-apaixonadamente-2/


Para conhecer mais o Opus Dei de forma geral e ter acesso a muitos conteúdos e informações, há o site dA Obra: http://www.opusdei.org.br/pt-br/


Para ter acesso a muitos conteúdos sobre o próprio santo padre fundador, há o site sobre ele: http://www.pt.josemariaescriva.info/


Para ver um pouco da história de fundação do Opus Dei, especialmente o momento de enfrentamento com a Guerra Civil Espanhola, que dividiu o país em Direita e Esquerda e perseguiu muitos religiosos e a própria Igreja, há o filme “Encontrarás Dragões”. Disponível no Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=sucSLb7przY


Ainda que o filme tenha partes da história que não são reais, senão incrementos inventados pelo autor e acrescentados à história original da vida do santo (especialmente no que diz respeito à história desse amigo de São Josemaria que aparece no filme), a essência da fundação do Opus Dei está bem contada e se pode ter uma noção do que eles enfrentaram durante a guerra.


Por: Ismaela Silva


Fontes:


http://www.escrivaworks.org.br/


http://www.opusdei.org.br/


http://www.pt.josemariaescriva.info/


 

Compartilhar:

0 comentários:

Postar um comentário